26 de nov de 2013

O meu dilema com o batom vermelho


Oi meninas!

Vou contar um pouco a minha história com o batom vermelho...

Na minha adolescência eu usava direto batom vermelho, um deles era aquele do Paraguay de embalagem verde que não saia nunca mais da sua boca rs...reveleando a idade pelo batom Aff! Tinha até um professor que me chamava de batom mouche rs. O tempo passou e eu desisti deste tom e no cursinho tinha uma amiga modelo  me deu um batom cor de boca. Na época, isso de nude não existia, mas ela era modelo, viajava para o Japão e pensei: "Ahhhhh vou passar a usar este tipo de batom porque ela entende tudo de moda!" E a partir dai passei a investir em tons de boca...uns mais claros outros mais para o marronzinho etc

Desde o ano passado comecei a ter vontade de usar novamente o vermelho, uma amiga do trabalho me deu um dela mas a sensação é que só se via a minha boca e usei poucas vezes a noite...este ano estou arriscando mais e tenho gostado bastante. Ainda não uso com facilidade,  mas tenho  ousado mais usando durante o dia como um assessório, acho que alegra o meu dia quando uso, dá uma sofisticada na roupa mais básica... em fim... segue a baixo umas inspirações para você que ainda não tem coragem.

A Joana do blog  Um ano sem zara  sempre é a minha inspiração...












Este é o meu vermelho. Boticário - Linha Intense número 330. Ele é opaco!!!


imagem daqui


Tenho uma amiga que ama batom  e que acompanha vários blogs de maquiagem que me disse que o 330 da Boticário é idêntico ao Ruby Woo da MAC só que é mais seco e dura mais na boca, mas se você como eu usa pouco batom vermelho,  financeiramente o da Boticário é bem mais em conta  20,00 x 75,00 da MAC.


A única coisa ruim do batom vermelho é que você precisa sempre retocar porque se não fica horrível!!!!


Beijos

Dani

Um comentário:

  1. Também me acho estranha com batom vermelho... ainda mais pq tenho que tomar o maior cuidado prá não acentuar ainda mais a minha boca torta...kkkkk

    ResponderExcluir